Um veículo do exército de Israel passa à porta da prisão militar de Ofer, na Cisjordânia ocupada, em novembro de 2023. A detenção de 17 jornalistas por Israel na Cisjordânia desde o início da guerra Israel-Gaza, a 7 de outubro, fez do país o sexto pior carcereiro de jornalistas, de acordo com o censo prisional do CPJ, realizado a 1 de dezembro. A China e Myanmar encabeçam a lista dos piores carcereiros. (Foto: AFP/Fadel Senna)

Censo prisional de 2023: O número de jornalistas presos aproxima-se do recorde; as prisões em Israel aumentam