Moçambicano

  

Criminosos incendeiam redação do jornal independente Canal de Moçambique em Maputo

Nova York, 24 de agosto de 2020 – As autoridades moçambicanas devem conduzir em passo acelerado uma investigação meticulosa sobre o incêndio criminoso no Canal de Moçambique, disse hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas. Por volta das oito da noite de ontem na capital, Maputo, indivíduos não identificados invadiram as instalações do semanário…

Read More ›

Jornalista moçambicano Omardine Omar condenado por desobediência civil e multado

Nova York, 2 de julho de 2020 – As autoridades moçambicanas não devem contestar o apelo do jornalista Omardine Omar e devem permitir que ele e todos os membros da imprensa trabalhem livremente, disse hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ). Em 30 de junho, o tribunal de Ka Mpfumo, em Maputo, capital,…

Read More ›

O presidente Filipe Jacinto Nyusi é visto em Maputo, Moçambique, em 15 de janeiro de 2020. O CPJ enviou carta conjunta a Nyusi expressando preocupação com o desaparecimento do jornalista Ibraimo Abú Mbaruco. (Reuters/Grant Lee Neuenburg)

Carta conjunta do CPJ ao presidente moçambicano sobre desaparecimento forçado do jornalista Ibraimo Mbaruco

O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) uniu-se hoje a 16 outros grupos da sociedade civil, enviando uma carta ao presidente moçambicano Filipe Jacinto Nyusi, expressando preocupação com a deterioração da situação dos direitos humanos na província de Cabo Delgado, no norte do país, incluindo o desaparecimento forçado do jornalista de rádio Ibraimo Mbaruco.

Read More ›

Soldados são vistos em Mocimboa da Praia, Moçambique, em 7 de março de 2018. O jornalista Ibraimo Abú Mbaruco desapareceu recentemente no país. (AFP / Adrien Barbier)

Jornalista de rádio Ibraimo Abú Mbaruco desaparecido em Moçambique

Nova York, 17 de abril de 2020 – As autoridades de Moçambique devem conduzir uma investigação rápida e transparente sobre o paradeiro do jornalista Ibraimo Abú Mbaruco e levar à Justiça os responsáveis ​​por seu desaparecimento, informou hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

Read More ›

A polícia militar patrulha as ruas de Gorongosa, no centro de Moçambique, em 19 de novembro de 2013. Um jornalista de rádio em Moçambique está em prisão preventiva desde janeiro de 2019. (Reuters / Grant Lee Neuenburg)

CPJ se une a pedido pela libertação imediata e incondicional do jornalista de rádio moçambicano Amade Abubacar

Joanesburgo, 11 abril de 2019 – O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) e 37 outros grupos da sociedade civil emitiram uma declaração conjunta hoje que insta as autoridades moçambicanas a libertem imediata e incondicionalmente o jornalista Amade Abubacar da Rádio Comunitária, que está em prisão preventiva desde a sua detenção em 5 de…

Read More ›

Moradores ficam em telhados em uma área inundada de Buzi, no centro de Moçambique, em 20 de março de 2019, após a passagem do ciclone Idai. (AFP/Adrien Barbier)

Assessoria de Segurança do CPJ: Cobrindo as consequências do Ciclone Tropical Idai na África Austral

O ciclone tropical Idai atingiu a costa na noite de 14 e 15 de março na província de Sofala, em Moçambique. A tempestade continuou no interior, causando inundações em Moçambique e partes do Zimbabué e do Malawi. A cidade portuária de Beira, a quarta maior de Moçambique, foi destruída e a crise humanitária é aguda,…

Read More ›

Deslocados internos descarregam comida, cobertores e outros bens depois de fugirem dos ataques de combatentes em Naunde, no norte de Moçambique, em 13 de junho de 2018. Um jornalista moçambicano foi detido em 5 de janeiro de 2019 e mantido numa prisão militar depois de fotografar famílias que fugiram de ataques de militantes. (AFP/Joaquim Nhamirre)

Jornalista moçambicano preso, detido em prisão militar

Nova Iorque, 9 de janeiro de 2019 – Os militares moçambicanos devem libertar imediatamente Amade Abubacar, radiojornalista da Rádio e Televisão Comunitária estatal Nacedje de Macomia, no norte da província de Cabo Delgado, afirmou hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

Read More ›

Moçambicanos celebram o 25º aniversário da independência do seu país de Portugal em 25 de junho de 2015, em Maputo. O governo moçambicano impôs taxas elevadas aos meios de comunicação independentes em 23 de julho de 2018. (AFP / Adrien Barbier)

Governo de Moçambique impõe taxas exorbitantes para a mídia independente

Nova York, 15 de agosto de 2018 – As autoridades em Moçambique devem reverter imediatamente os planos de impor taxas financeiras proibitivamente altas que visam indevidamente a mídia independente, declarou hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ). Em 23 de julho de 2018, um decreto do governo delineou excessivos aumentos nas taxas de…

Read More ›

Ericino de Salema, proeminente jornalista e advogado de direitos humanos, foi sequestrado e agredido em 27 de março, segundo o noticiário. (Neusa Ribeiro)

Jornalista moçambicano raptado, agredido

Nova York, 28 de março de 2018 – Autoridades moçambicanas devem lançar uma investigação confiável sobre o sequestro e agressão de Ericino de Salema, proeminente jornalista e advogado de direitos humanos, e levar os responsáveis à justiça, disse hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

Read More ›