Oriente Médio / Norte da África

2013

Relatórios   |   Brasil, México

Síria, Iraque e Egito são os países mais letais para jornalistas

O conflito na Síria, um aumento no derramamento de sangue no Iraque, e a violência política no Egito responderam pelo elevado número de jornalistas mortos em serviço em 2013. Um relatório especial do CPJ por Elana Beiser

Esta imagem fornecida pelo Aleppo Media Center mostra sírios ajudando um homem ferido no local de um ataque aéreo do governo em Aleppo, em 17 de dezembro. Cidadãos jornalistas foram vitais para documentar mortes e destruição no conflito. (AP / Aleppo Media Center)
dezembro 30, 2013 12:01 AM ET

Também disponível em
English, Français, Español, العربية

Relatórios

Secundo pior ano da história para jornalistas na prisão

Pelo segundo ano consecutivo, a Turquia foi líder em encarceramentos de jornalistas no mundo, seguida de perto pelo Irã e pela China. O número de jornalistas presos globalmente diminuiu em relação ao ano anterior, mas permanece próximo às altas históricas. Um relatório especial por Elana Beiser.

 

Jornalistas turcos protestam por direitos da mídia em Istambul em 5 de novembro de 2013. Manifestantes passam a um passo por minuto para destacar  o lento processo da justiça na Turquia. (AFP/Ozan Kose)

dezembro 18, 2013 12:01 AM ET
« 2012 | 2014 »