Peru

2013

Notícias   |   Peru

Rádio é atacada com explosivos no Peru

Bogotá, 9 de julho de 2013 - As autoridades peruanas devem investigar imediatamente um ataque com explosivos ocorrido em 4 de julho contra as instalações da Rádio Tropicana na cidade de Satipo, afirmou hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ). Ninguém ficou ferido, mas as dependências da emissora foram seriamente danificadas, disse ao CPJ o diretor da estação.

julho 9, 2013 3:30 PM ET

Também disponível em
English, Español

Ataques contra a imprensa   |   Peru

Ataque à Imprensa em 2012: Peru

A violência contra a imprensa diminuiu levemente, mas a impunidade prevaleceu em casos anteriores. O promotor responsável pela investigação do assassinato do jornalista de televisão Pedro Alfonso Flores Silva, em 2011, foi morto em abril de 2012, na mesma semana em que divulgaria o resultado de suas investigações. No mês seguinte, a polícia nacional anunciou que o assassinato de Flores foi ordenado por um prefeito em represália à reportagem do jornalista sobre corrupção governamental - mas o prefeito nunca foi formalmente acusado pelo crime. Em outro caso, o ex-prefeito da cidade de Coronel Portillo foi absolvido, em maio, do assassinato do radialista Alberto Rivera Fernandez, em 2004. Após a condenação pela Corte Interamericana de Direitos Humanos, a Corte Suprema peruana revogou sua própria decisão de libertar Alberto Pinto, ex-chefe do serviço de inteligência do Exército, que cumpria sentença de 15 anos de prisão pelo assassinato de civis nos anos 90, incluindo o do jornalista Pedro Yauri. Diante de um mandado de prisão, Pinto se escondeu. Diversos ataques foram denunciados. Um jornalista foi espancado até ficar inconsciente, após noticiar sobre a corrupção local. Repórteres que cobriam protestos violentos contra um projeto de mineração foram agredidos pela polícia e por manifestantes. Nenhum jornalista foi preso em 2012, mas dois foram condenados a penas de prisão suspensas por difamação. Um projeto de lei que eliminaria as penas de privação de liberdade pelo crime de difamação está parado no Congresso desde meados de 2011.

fevereiro 14, 2013 12:03 AM ET

Notícias   |   Peru

Jornalista peruano baleado após informar sobre corrupção

Bogotá, Colômbia, 6 de fevereiro de 2013 - Um jornalista que trabalha em uma rádio interiorana no sul do Peru e que noticiou sobre corrupção governamental foi baleado na perna na manhã de hoje quando se dirigia de moto ao trabalho, segundo as informações da imprensa local e do grupo regional de imprensa Instituto Prensa Y Sociedad (IPYS).

fevereiro 7, 2013 12:28 PM ET

Também disponível em
English, Español

« 2012 | 2014 »