Panamá

DECLARAÇÕES , Panamá

O jornalista holandês Okke Ornstein é preso no Panamá por difamação penal

O jornalista holandés Okke Ornstein está detido no Panamá por um caso de difamação criminal. (Kimberlyn David)

Nova York, 29 de novembro de 2016 - As autoridades Panamenhas devem liberar imediatamente o jornalista holandês Okke Ornstein, que está detido desde 15 de novembro, declarou hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ). Ornstein, jornalista que reside no Panamá e dirige o site noticioso Bananama Republic, foi preso por uma condenação de 2012 pelo delito de difamação na sua chegada ao aeroporto internacional da cidade do Panamá, de acordo com eu advogado, Manuel Succari.

novembro 30, 2016 4:08 PM ET

Também disponível em
English, Español

Notícias   |   Espanha, Panamá

Jornalistas espanhóis críticos são expulsos do Panamá

Nova York, 2 de março de 2011 - O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) instou hoje o governo panamenho a permitir o regresso de dois jornalistas e ativistas espanhóis que foram expulsos do Panamá. Os jornalistas estavam cobrindo e documentando uma manifestação indígena no sábado quando foram detidos pelas autoridades e acusados de "perturbar a ordem pública", segundo um comunicado oficial.

março 2, 2011 5:52 PM ET

Notícias   |   Panamá

Sentença por difamação no Panamá provoca repúdio generalizado

Jornalistas panamenhos organizam manifestação em frente à Suprema Corte pela retirada da difamação da esfera penal. (laestrella.com.pa)

Nova York, 7 de outubro de 2010 - Um tribunal panamenho condenou dois jornalistas de televisão por difamação e os proibiu de exercer a profissão por um ano, segundo as informações da imprensa. Enquanto o Presidente Ricardo Martinelli declarou que indultaria os jornalistas, o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) afirmou hoje que os parlamentares panamenhos devem revogar as disposições da esfera penal sobre difamação.

outubro 8, 2010 12:33 PM ET

Notícias   |   Panamá

Veterano jornalista panamenho preso por difamação

Nova York, 30 de junho de 2010 O jornalista panamenho de 70 anos detido e encarcerado no sábado por uma sentença de 2008 por difamação deve ser libertado imediatamente, pediu hoje o Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ).

junho 30, 2010 5:26 PM ET

Notícias   |   Panamá

PANAMÁ: Conhecido jornalista é sentenciado a dois anos de prisão

Nova York, 30 de abril de 2009--Um tribunal na Cidade do Panamá sentenciou o conhecido jornalista panamenho Jean Marcel Chéry a dois anos de prisão por invasão de domicílio depois de uma série de acusações apresentadas durante anos por um juiz do Supremo Tribunal de Justiça. O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) instou o juiz Winston Spadafora a pôr um fim ao seu acosso politicamente motivado.

maio 1, 2009 12:04 PM ET

Notícias   |   Panamá

Juiz ordena apreensão em semanário depois de artigo sobre suposta sonegação de impostos

Nova York, 8 de setembro de 2008 - O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) está preocupado com a decisão de um tribunal de justiça civil panamenho que ordenou, na sexta-feira, o seqüestro de bens de um semanário, assim como o confisco de 15 por cento do salário de dois integrantes do jornal. A decisão foi tomada após a publicação de um artigo sobre a suposta sonegação de impostos por um magnata local do ramo imobiliário.

setembro 9, 2008 3:55 PM ET

Notícias   |   Panamá

Juiz ordena apreensão em semanário depois de artigo sobre suposta sonegação de impostos

Nova York, 8 de setembro de 2008 - O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) está preocupado com a decisão de um tribunal de justiça civil panamenho que ordenou, na sexta-feira, o seqüestro de bens de um semanário, assim como o confisco de 15 por cento do salário de dois integrantes do jornal. A decisão foi tomada após a publicação de um artigo sobre a suposta sonegação de impostos por um magnata local do ramo imobiliário.

setembro 9, 2008 3:54 PM ET

Notícias   |   Panamá

Colunista é impedido de sair do país

Nova York, 28 de julho de 2008 - Uma juíza panamenha proibiu o colunista esportivo Bienvenido Brown de sair do país e ordenou que ele se apresentasse em juízo por uma demanda de difamação contra ele que foi apresentada em 2005.


julho 28, 2008 12:00 AM ET

Notícias   |   Panamá

PANAMÁ: O CPJ está alarmado com o plano de duplicar as penas de prisão por difamação

Nova York, 23 de junho de 2006 - O Comitê para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) está alarmado com uma proposta enviada ao presidente do Panamá, Martín Torrijos, para endurecer as sanções por difamação, incluindo a duplicação das penas de prisão.

Uma comissão de advogados e acadêmicos, criada por Torrijos para estudar uma reforma no código penal, apresentou as propostas e um anteprojeto na semana passada, informou Jean Marcel Chéry, jornalista que trabalha para o diário La Prensa, ao CPJ. Se o Conselho do Gabinete aprovar o anteprojeto, este será enviado para a Assembléia Nacional em setembro. Entre as emendas propostas, está o artigo 214 que aumentaria, de maneira drástica, as sanções e ampliaria a pena máxima de prisão por difamação para três anos.

junho 23, 2006 12:00 PM ET
Leia mais sobre Panamá »

Mídias sociais

Ver tudo »